sábado, 19 de fevereiro de 2011

And I wanna tell him so bad, but I can't

- Me esquece!
E depois que você disse aquela frase, era como se tivesse desabado. Não tudo, mas metade do meu mundo. Então me veio na mente aquela música que você havia me apresentado. "Dizem que o amor deixa a gente mais completo, mas eu sou metade, só metade sem você por perto." E era bem assim que eu me sentia. Pareceu tão simples vindo do cara que eu passei a melhor parte da minha vida, dizer para eu esquecê-lo. Assim, só com uma frase e, acabar tudo. Tenho certeza que não prestou atenção no que disse, ou eu quem li entrelinhas demais. Ainda procuro um nexo nas tuas palavras, juntas. "Me esquece!". Te esquecer? Esquecer dos tempos que eu tinha alguém do meu lado, das flores, e dos dias de sol. Ah. Tá vendo? Já me fez citar outra música. É assim que quer que eu te esqueça? Você está até nas músicas que eu ouço. E eu não quero te esquecer. Como seria esquecer, de quando eu ganhei flores roubadas de um jardim, quando ganhei beijos roubados em um jardim? Não, a gente nunca teve demais, e eu mentiria se falasse em aliança, mas ela já esteve nos meus planos. Então você pede para esquecê-los também? Esquecer do que eu tinha sonhado pra nós? Foi quase uma vida sonhada. Eu teria que recomeçar, do quase zero. Mas muito mais que esquecer dos sonhos, dos presentes, é esquecer do imaterial. Esquecer do que ficou tão bem guardado e preencheu meu coração. Esquecer que um dia, você já me amou, e foi capaz de me fazer sentir o mesmo. E agora, quer que eu diga, com sinceridade, o que eu acho?! Cara, cai na real: você é inesquecível.



Texto criado em base da frase: Cara, cai na real: você é inesquecível., que era tema do Eu escrevo bem. E o título é uma música da Ciara, por isso está em inglês.

2 comentários:

Thaís disse...

Você criou esse texto? Nossa, me soou tão pessoal. Confesso que me identifiquei em tudo. Pois é, eu já passei por um momento igualzinho a esse sem tirar, nem por. Mas fazer o que... Uma hora as lembranças param de surgir do nada e a dor diminui, mas esquecer, nunca esquecerei.

Jessi disse...

Tem coisas na vida que marcam tanto que se tornam inesqueciveis. Me identifiquei bastante com teu texto, e a frase, uma das mais lindas que já vi, pena que dói tanto quando nos pedem esse tipo de coisa.